Após ouvir comentário racista em uma loja do Salvador Shopping, localizado na capital baiana, a doutoranda Amanaiara Miranda resolveu desabafar no Facebook. O relato mobilizou o Rolezinho das Caras Pretas, que ocorrerá neste domingo (28), às 16h, no próprio conglomerado de lojas.

Do Correio Nagô

“No dia 13/05/2017 à tarde fui ao shopping Salvador comprar uma medicação e outros itens necessários que não encontrei no comércio da Boca do Rio. Ao chegar, fiquei numa felicidade por presenciar a cara preta de MAÍRA AZEVEDO estampada juntamente com outras caras brancas. Eu só não sabia é que essa felicidade não iria durar por muito tempo. O dia 13/05 caiu num sábado e o que estava acontecendo de diferente no shopping? O rolezinho dos/as jovens. Ao entrar numa loja e acompanhada com duas pessoas, também de cara preta e de meia idade que nem eu, ouvi uma mulher socialmente branca falar: hoje vai ser difícil batermos a nossa cota de vendas com essa gente feia andando aqui no shopping”, diz Amanaiara em texto publicado no ultimo 15 de maio.

“Na Bahia quando se diz: só tem gente feia, estão querendo dizer: só tem gente preta. Nesta senda, eu confirmei que a cara preta madura não inspira beleza e nem poder aquisitivo. Mas tudo bem, eu sei que ainda não fui emancipada da escravidão. Pois trabalho 40 horas semanalmente e ainda faço doutorado. Escravidão ao quadrado nesse meu corpo de 46 anos de idade. O fato ficou ruminando até agora. Deixei passar o dia das mães e decidi nesse momento externar, pois assim como os/as adolescentes, eu quero protestar de maneira criativa, em virtude que sofro racismo todos os dias. Mas o fato socializado aqui aconteceu no dia 13 de MAIO – não é o dia da abolição da escravatura? A questão é que continuamos submissos/as a padrões estéticos declarados como ideais pelo nosso grande “opressor/a”: a branquitude, o eurocentrismo e…”, diz trecho do relato.

A publicação gerou uma série de comentários de apoio e articulação para o rolê que conta com mais de 50 pessoas confirmadas e mais de 2000 convidadas. A concentração ocorrerá na praça de alimentação do Salvador Shopping.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *